Falando sobre Disfunção Lacrimal (Olhos Secos)

É a disfunção do chamado filme lacrimal, que remete a alterações na quantidade e composição da lágrima, o que pode gerar danos à córnea e provocando doenças da superfície externa dos olhos. As lágrimas têm grande importância no quis respeito às funções de nutrição e proteção. São importantes na qualidade da visão, ao manter a superfície da córnea hidratada e transparente. Para identificação da disfunção é preciso ficar atento aos sintomas como ardor, olhos vermelhos, dificuldades e incômodos na presença de luz, sensação de corpo estranho, lacrimejamento e quando se sente a visão embaçada e ao piscar melhora.

A identificação da disfunção pode ser realizada a partir do exame da superfície ocular e de testes específicos como o Teste de Schirmer, além de uso de substâncias como a fluoresceína e o rosa bengala, que colorem a superfície ocular, identificando eventuais lesões. A partir do momento em que o paciente por diagnosticado com a disfunção, o tratamento deve ser feito de acordo com as características de cada pessoa, sendo caso a caso. O tratamento é baseado na aplicação de lubrificantes oculares ou as chamadas lágrimas artificiais. Existem variados componentes no mercado e cada paciente pode ter uma resposta individual para cada um, dependendo de características específicas do tratamento. As alterações decorrentes dos olhos secos vão ser tratadas de acordo com o estágio e severidade de cada paciente. O uso das lágrimas artificiais vai proporcionar alívio dos sintomas e também proteger a córnea de lesões geradas pelo ressecamento. A realização de exame oftalmológico é imprescindível para direcionar o oftalmologista sobre a melhor forma de tratamento.

A alimentação, por meio de suplementos, também é um grande aliado no tratamento da disfunção lacrimal., A ingestão de ácidos gordurosos tipo Omega 3 proporcionam melhor qualidade da lágrima. Este nutriente pode ser adicionado em uma dieta rica em linhaça, como principal fonte natural. Imunomoduladores tópicos (colírios), como a ciclosporina (Restasis) são utilizados como forma mais comum para tratamento no combate do ressecamento crônico e a inflamação que se confundem em um ciclo vicioso.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 5 =